Sexta-feira, 23 de Outubro de 2009

Cristiano Ronaldo Canta Amor Mio

Que nunca te lesiones meu filho...

 

 


publicado por silentvoices às 16:00
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Quarta-feira, 7 de Outubro de 2009

Gislaine virgem de 17 anos

Gislaine era uma caipirinha deliciosa de 17 anos, ainda virgem.
João Gafanhoto era o cara mais tarado da região, que vivia convidando a moça
pra ir pra cama, pro sofá, pro mato, pra qualquer lugar, desde que fosse pra
fazer sexo.
Certo dia ela finalmente concordou e os dois foram pra uma moita, atrás da
casa da moça. Mas, como não sabia nada sobre o assunto, ela pediu
instruções:
- Ai, Jão... Cumé qui é esse negócio de sexo?
- Simpres, Gislaine! E é bão dimais, sô!
- Mas como que eu faço? Me explica, homi!
- Primero você levanta a saia!
- Assim? - disse a gostosona, mostrando a calcinha.
- Hummm! Isso memo, Gislaine! Assim memo, sô!
- I agora?
- Agora você baixa a calcinha! - disse ele, excitadíssimo.
- E agora, Jão?
- Hummmm... ?... Agora agacha e mija que tem seu pai olhando prá nóis com
uma espingarda na mão.


publicado por silentvoices às 09:57
link do post | comentar | favorito

Gay no avião

 
 A aeromoça oferece bebida a um gay que está sentado ao lado de uma  freira dentro de um avião.
 
  O gay (chique,lógico) pede wísque escocês com gelo.
 
  -Aceita o mesmo que ele, irmã? Pergunta a aeromoça à religiosa.
 
  A freira fica indignada:
 
 -Prefiro ser agarrada selvagemente e estuprada por um negão do  Pelourinho, daqueles de dois metros de altura, do que botar uma gota  de álcool na boca!
 
  O gay escuta e devolve o wísque a aeromoça dizendo:
 
  -Desculpe! Eu não sabia que tinha essa outra opção. Também quero o negão! 
 
 
 

tags: ,

publicado por silentvoices às 09:55
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 1 de Outubro de 2009

A Água - Poema de Bocage

"A Água",
de Manuel Maria Barbosa du Bocage.

Um clássico da literatura portuguesa


"A Água"

Meus senhores eu sou a água
que lava a cara, que lava os olhos
que lava a rata e os entrefolhos
que lava a nabiça e os agriões
que lava a piça e os colhões
que lava as damas e o que está vago
pois lava as mamas e por onde cago.


Meus senhores aqui está a água
que rega a salsa e o rabanete
que lava a língua a quem faz minete
que lava o chibo mesmo da raspa
tira o cheiro a bacalhau rasca
que bebe o homem, que bebe o cão
que lava a cona e o berbigão.


Meus senhores aqui está a água
que lava os olhos e os grelinhos
que lava a cona e os paninhos
que lava o sangue das grandes lutas
que lava sérias e lava putas
apaga o lume e o borralho
e que lava as guelras ao caralho


Meus senhores aqui está a água
que rega rosas e manjericos
que lava o bidé, que lava penicos
tira mau cheiro das algibeiras
dá de beber ás fressureiras
lava a tromba a qualquer fantoche e
lava a boca depois de um broche.


 

"A Água", de Manuel Maria Barbosa du Bocage.
sinto-me:

publicado por silentvoices às 15:09
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 50 seguidores

.pesquisar

 

.Fevereiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
24
25
26
27

28


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. O BÊBADO, O PADRE, O JOR...

. Loiras

. GENIAL!

. E quantos funcionários da...

. Quantos militares são nec...

. Cristiano Ronaldo Canta A...

. Gislaine virgem de 17 ano...

. Gay no avião

. A Água - Poema de Bocage

. Leitinho fresco

.arquivos

. Fevereiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Com o Ego inchado!

. Fragmentos

. 15 Minutes to Midnight

. Mundo Cão - Caixão da Raz...

. A minha Cidade, a Nossa C...

. Uma Despedida de Solteiro

. Deolinda - FON FON FON

SAPO Blogs

.subscrever feeds